6.7.07

Reciclagem de caça-níqueis

Dias atrás o site Computerworld publicou a matéria Projeto Computadores para Inclusão recupera e doa 879 equipamentos, com um balanço do programa de recondicionamento de PCs usados oriundos de órgãos públicos e empresas estatais. No projeto fazem parte o Centro de Recondicionamento de Computadores de Gama/DF, Guarulhos/SP e Porto Alegre/RS.

Em outra matéria, do jornal Estadão publicada no dia 24/4/2007 - Máquina de jogo podem virar micros escolares (para assinantes) - o secretário de ciência e tecnologia do Rio, Alexandre Cardoso, defende usar as máquinas apreendidas pela Polícia Federal em bingos e outros estabelecimentos. Os equipamentos apreendidos seriam doados ao Estado para serem transformadas em computadores.

Segundo o secretário existem 200 mil máquinas caça-níqueis no país, cujos componentes são os mesmos usados por computadores, como processadores e placas-mãe. O custo da conversão ficaria entre R$ 100 e R$ 150 e a adaptação seria feita por alunos do Instituto Superior de Informática da Fundação de Apoio à Escola Técnica do Estado. Depois de reciclados, os micros iriam para salas de aula.

De certa forma acredito que iniciativas como estas foram inspiradas pelo movimento Metareciclagem, que lançou e defende idéias parecidas, mas realizadas de forma descentralizada e autônoma.

Post originalmente publicado no Yahoo! Tecnologia

Posts relacionados:
- Reciclagem da Dell e Meta-Reciclagem na TV
- Artigo de Tati Wells e Adriana Veloso no Yahoo! Educação
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Boo-Box

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO