19.9.07

Os inventores do etanol

Matéria no Estadão - As mentes brilhantes do etanol brasileiro (para assinantes) - publicada em 24/6/2007 contou um pouco do nascimento da tecnologia do álcool combustível e das pessoas responsáveis por sua viabilização. Na reportagem são citados os físicos José Walter Bautista Vidal e Rogério Cezar Cerqueira Leite, os engenheiros Manoel Sobral Junior e Carlos Eduardo Vaz Rossel e os engenheiros agrícolas Oscar Braunbeck e Manoel Regis Lima Verde.

Bautista Vidal, hoje com 72 anos, foi responsável pela implantação do Programa Nacional do Álcool (Proálcool), em 1975, no meio da primeira crise do petróleo e pela fundação de de 30 institutos de pesquisa. O programa subsidiou usinas de açúcar e álcool e, segundo a reportagem, quando Bautista foi explicá-lo no auditório da Fiesp, foi recebido com risadas pelos empresários do setor automobilístico.

Do maior conglomerado de usinas na época, a Coopersucar, surgiu o Centro de Tecnologia da Cana (CTC), onde trabalharam Manoel Sobral, Carlos Eduardo, Oscar Braunbeck e Manoel Regis. Manoel Sobral deixou o cargo de professor da Universidade de Michigan para montar o instituto, que chegou a ter 1800 pessoas envolvidas em 7 cidades do país. Carlos Eduardo, que se tornou o maior especialista em hidrólise ácida, processo pelo qual o bagaço de cana é transformado em energia elétrica, hoje está com 64 anos e é professor da Unicamp.

Post originalmente publicado no Yahoo! Tecnologia.

Posts relacionados:
- Mais tecnologia do álcool para exportação
- Institutos de pesquisa e a lei da informática
- O homem que criou o ITA
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Boo-Box

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO