3.10.07

Ginga na TV digital interativa

Matéria no Estadão publicada mês passado, em 2/9/2007 - Indústria Prepara TV Digital Interativa - fala do software Ginga desenvolvido por equipes na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC - RJ) para permitir interatividade no padrão nipo-brasileiro de TV Digital.

A reportagem cita a abertura da empresa Mopa Embedded Systems formada por ex-alunos do professor Guido Lemos, da UFPB, com 40 profissionais divididos entre João Pessoa/PB e Natal/RN. A Mopa já atende a Evadin cujo set-up box, que será lançado com a marca Aiko e terá aplicativos como grade de programação e torcida virtual (que permite conversas com outros espectadores).

Roberto Dias, gerente de engenharia da Evadin explica que para a interatividade, o canal de retorno no lançamento oficial da TV Digital brasileira é necessario mas ainda não está definido. Para levar informações da casa do espectador para a emissora será necessário um serviço de telecomunicações, como uma linha fixa, celular ou conexão banda larga. Prevendo isso os set-up boxes da Aiko terão 2 saidas USB, uma conexão de rede e outra para linha discada.

Outra empresa que está trabalhando com o Ginga é a Dynavideo, segundo afirma nota publicada em junho aqui no Yahoo! Tecnologia: Software Brasileiro para a TV Digital está Pronto. Aqui no canal outras notas Ginga beneficia indústria nacional e Consórcio entre Brasil e Índia deve baratear receptores de TV digital já abordaram o assunto.

A matéria no Estadão também consultou Juliano Dall'Antonia, diretor de TV Digital do CPqD, que já citei aqui na coluna Institutos de Pesquisa e a Lei de Informática e que trabalha em aplicações de interatividade. Outra empresa que tem planos de lançar serviços sobre o novo padrão é a Caixa Econômica Federal, Claudia Yoshida, superintendente de inovação da Caixa, revelou que pretende disponibilizar serviços bancários. Caso o canal de retorno não esteja definido até o lançamento oficial do sistema, o banco estuda oferecer serviços com interatividade local, ou seja, as informações seriam processadas no próprio conversor.

Ainda na época do anúncio oficial do Ginga, em seu blog, a colunista de tecnologia Cris De Luca saudou a iniciativa com entusiasmo: Ginga Brasil, com força total.

Publicado originalmente no Yahoo! Tecnologia.

Posts relacionados:
- Opinião sobre Tv Digital brasileira
- Blu-ray, o DVD 2.0 chegou
- Os planos da Gradiente
- Internet, TV e telefone juntos
- E-Cipó, internet pela TV UHF e celular
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Boo-Box

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO