18.7.08

Energia eólica no Brasil

Nota no jornal Valor - Gonvarri fabricará torre para geração eólica em Pernambuco (para assinantes) - publicada em 03/07/2008, revela que a fabricante e distribuidora espanhola de itens siderúrgicos pretende construir uma unidade de produção de torres eólicas no complexo portuário e industrial de Suape/PE. O plano da Gonvarri é de iniciar a construção da unidade em setembro e entrar em operação em abril de 2009. A empresa espanhola tem outras duas fábricas, uma em Campinas/SP e outra em Curitiba/PR e segundo seu diretor geral, José Antonio Orue Mera, pretende contruir 150 torres em seu primeiro ano, chegando a 400 por ano em 2014.

Outra materia, desta vez publicada em 15/07/2007 no Estadão e reproduzida na Hemeroteca do Instituto de Eletrotécnica e Energia - País tem a força dos ventos. Só falta investir - resumiu alguns números do setor. Segundo o vice-presidente da Associação Mundial de Energia Eólica (WWEA), Everaldo Feitosa, se o governo acenar com um compromisso de comprar cerca de 1.000 MW ao ano, o país pode ter um "boom" de investimentos, comparado ao que ocorreu com a indústria automobilística nos anos 50. Segundo a reportagem, hoje o Brasil tem 12 usinas eólicas em operação com apenas 236 MW de parque instalado. No ranking mundial, a Alemanha vem em primeiro, seguido de EUA, China e Espanha. Segundo Everaldo a China tem 20 fabricante de turbinas que emprega 25 mil pessoas, na Alemanha o setor emprega mais do que as fábricas de carros.

Na época da matéria eram 2 empresas de equipamentos instaladas no Brasil, a Wobben Wind Power e a Tecsis. A Wobben, subsidiária do grupo alemao Enercon, fábrica aerogeradores completos (torres, turbinas e pás) em fábricas em Sorocaba/SP e Pecém/PE, totalizando 750 funcionários. A Tecsis, também instalada em Sorocaba/SP, fabrica pás com tecnologia 100% brasileira, fornecendo para empresas como a General Eletric (GE).

No mesmo jornal, um informe publicitário do governo do estado do Rio Grande do Norte publicado em 14/09/2007 citava a energia eólica como base de seus planos para se tornar auto-suficiente em energia. O parque eólico do Rio do Fogo, no litoral do estado, já produzia 49,3 MW e outras usinas semelhantes seriam construídas em Guamaré/RN, município próximo. A empresa Energias Sustentáveis Ltda, subsidiária da empresa autraliana Pacific Hydro, seriam uma das empresas envolvidas no projeto, Ralf Kynast, diretor da Pacific Hydro, adiantou que o parque eólico deve iniciar produzindo 153 MW.


Post publicado originalmente em meu Blog no Yahoo! Tecnologia.

Posts relacionados:
- Carros elétricos movidos a vento
- Energia solar obrigatória na lei
- Brasileiro na Associação Mundial de Energia Eólica
- Energia que vem do lixo
- Energia que vem do vento, Parque Eólico de Osório
- Cataventos elétricos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Boo-Box

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO